domingo, 23 de novembro de 2008

VOZES FEMININAS (5)

Tá legal, manjadésima esta, mas inevitável: clássico de um clássico (de George Gershwin), numa interpretação tocante - em mais de um sentido - e uma voz inacreditavelmente rouca... e bela de Janis Joplin.

Querem comparar? Ouçam aqui a eterna Billie Holiday e aqui a insuperável Ella Fitzgerald, acompanhada por ninguém menos que Louis Armstrong.

Das muitas disponíveis, escolhi esta versão, de show ao vivo, em Estocolmo, 1969. [Mas acho que vale a pena também ouvir esta aqui, dos ensaios da gravação original].




ATUALIZAÇÃO (24/11/08 às 19:00 hs.) BY CORA

Uau... Janis Joplin, a moça incendiária de voz marcante?...a personificação de "sexo, drogas e rock and roll"? a-do-ro!!! adoro essas transgressoras desajustadas que ousaram desafiar: Bessie Smith, Billie Holiday, Ella Fitzgerald, Nina Simone... clássicas "manjadas" e amadas que dispensam qualquer comentário.

É bem verdade que a época dos “anos dourados” não se compara a essa pasmaceira dos dias de hoje, mas apesar dessa constatação, dentre as seguidoras das divas de todos os tempos, atualmente, em matéria de "female voice", tenho ouvido e gosto bastante da Tori Amos, Sarah Mclachlan , Norah Jones, Loreena Mckennitt, Katie Melua, Alanis Morrissette, Jill Socott, Índia Arie, Holly Cole... en fin =)

PS: sessão notalgia - e como uma coisa leva a outras que eu já tinha esquecido, mas que ficam irremediavelmente associadas a determinadas músicas, ouvindo "summertime" lembrei dos tempos em que eu "me achava" em plena adolescência (sim, ouvia boa música) e que ainda tenho dois dos LPs (sim, "LP") póstumos da Janis "hippie", inclusive Pearl, e na capa desse disco, depois dos agradecimentos especiais, está escrito: "e a todas as boas pessoas que nos fizeram sorrir" =) gracías, RM

Gracias, Cora.

18 comentários:

  1. Não vivi a época da Janis Joplin. Acredito que sua importância se deve muito mais por sua postura e idéias naquela época, do que pela sua voz que, por mais que me esforce, continuo achando sofrível... Assisti um pouco do vídeo, juro!
    Bj

    ResponderExcluir
  2. Ei Denise,
    não se pode agradar a todos, né? (ao contrário do que pensa o presidente Lula... rsss)

    Eu tenderia a concordar com você, nos aspectos gerais, mas acho que nesta música, em particular, a performance dela é extraordinária.

    (De todo modo, dei mais duas opções. Viu não?)

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre 'jazz-o' no domingo à noite. :)

    E como voz, pra mim é Ella no céu e no player. Sempre.

    Beijo querido, boa semana!

    ResponderExcluir
  4. Ei Rosíssima,
    é conhecido o seu apurado gosto musical. Das divas americanas, também é a minha preferida, pela suavidade da voz. Ainda mais destacada como o vozeirão do Satmo a fazer-lhe contraponto.

    Obrigado. Pra senhoritinha tambíen...

    ResponderExcluir
  5. Ei cafajeste do bem!!!

    Tô ficando doidinha...
    Entrei num negócio que manda clicar na Luciana e não consegui deixar comentário... Imagine meu nervoso! Tô sapateando aqui.... e resolvi "colar" o que comentaria por lá:

    "Cacete!!!!!

    Onde estou?

    Dá pra explicar tudo isso?

    Clico num lugar e vou pra outro... de repente já estou em outro.... HELP!!!!!!!!!!!!!
    Não esqueçam que meu lado loiro se aflora nessas situações complicadas...

    (respirando fundo....)

    Gostei de fazer parte da "suruba"..rs Detesto quando me deixam do lado de fora!!

    Bjs

    Maroca

    (Ihhh, complicou de novo... acho melhor mandar beijocas pros dois queridos: RM e LG... ou não? rs)"

    ResponderExcluir
  6. O negócio que cliquei chama:

    "Luciana Venenosa".... por sinal adorei as composições de nomes...

    Seria blogs conjuntos????

    Ai meus deuses, lá vem mais confusão pra essa cabecinha fraquinha fraquinha....rsrs

    + bjs

    ResponderExcluir
  7. Incrível o que as vozes femininas e os arranjos podem fazer com uma música. Parecem três músicas diferentes. São lindas, as três. Agora quando entra Louis Armstrong dá arrepios, não?

    Ótimo post.

    ResponderExcluir
  8. Maroca, gatona loirésima,
    eu li você lá!!!
    Pirou, Maroquinha? rsss

    Patty, moça das imagens (e muito mais),
    também acho, querida. Aliás, parece que esta música fica boa de todo jeito, até em ritmo de axé... rsss

    ResponderExcluir
  9. Uau... Janis Joplin, a moça incendiária de voz marcante?...a personificação de "sexo, drogas e rock and roll"?

    a-do-ro!!!

    adoro essas transgressoras desajustadas que ousaram desafiar: Bessie Smith, Billie Holiday, Ella Fitzgerald, Nina Simone... clássicas "manjadas" e amadas que dispensam qualquer comentário.

    É bem verdade que a época dos “anos dourados” não se compara a essa pasmaceira dos dias de hoje, mas apesar dessa constatação, dentre as seguidoras das divas de todos os tempos, atualmente, em matéria de "female voice", tenho ouvido e gosto bastante da Tori Amos, Sarah Mclachlan , Norah Jones, Loreena Mckennitt, Katie Melua, Alanis Morrissette, Jill Socott, Índia Arie, Holly Cole... en fin =)

    PS: sessão notalgia - e como uma coisa leva a outras que eu já tinha esquecido, mas que ficam irremediavelmente associadas a determinadas músicas, ouvindo "summertime" lembrei dos tempos em que eu "me achava" em plena adolescência (sim, ouvia boa música) e que ainda tenho dois dos LPs (sim, "LP") póstumos da Janis "hippie", inclusive Pearl, e na capa desse disco, depois dos agradecimentos especiais, está escrito:
    "e a todas as boas pessoas que nos fizeram sorrir" =) gracías, RM

    ResponderExcluir
  10. Cora,
    se é assim, devo dizer-lhe que você me faz sorrir...

    E isto não é um comment, mas um post. A senhorinha me autoriza publicá-lo na página principal?

    ResponderExcluir
  11. ué...sempre achei que aqui é a página principal das montanhas...rs

    ResponderExcluir
  12. Achou com razão.

    Mas os comentários, por deficiência da ferramenta disponibilizada pelo Blogger, não aparecem no domínio erreeme.blogspot.com.

    Apenas nas páginas de comments. Assim, alguém que apenas leia os posts irá perder esse ótimo comment.

    Autoriza ou não?

    ResponderExcluir
  13. Tô mais perdido que cachorro em dia de mudança. Você e a Luciana estão criando algo novo, sem dúvida. Só não sei ainda pra que serve... rs
    E vc de blog rosa... ah meio cafajeste e meio outra coisa agora né.
    E adoro Janis.

    ResponderExcluir
  14. Mas vai saber, logo logo, caboclo japa. Afinal nossos japoneses são ou não melhores que os deles? rsss


    (recebi um mail seu, mas só a notificação de erro, por isso não respondi. Se puder reenviar...)

    ResponderExcluir
  15. Tá vendo, o Chorik também é loirinho!!!! rsrsrsr

    ResponderExcluir
  16. Mas não faz meu tipo, como você!

    rsss

    ResponderExcluir
  17. Ops,
    esse idioma do Mr Portuga...
    Quis dizer ao contrário de você: que faz o meu tipo e de mais uma bordoada de caboclos apaixonados por loiras...

    (será que o japa também é chegado numa loira de metro e oitenta?)

    ResponderExcluir